REDUÇÃO GRADATIVA DE VEÍCULOS DE TRAÇÃO ANIMAL – VTA.

REDUÇÃO GRADATIVA DE VEÍCULOS DE TRAÇÃO ANIMAL – VTA.

CAVALO É DE CAMPO, NÃO DE ASFALTO

Para instituir o Programa de Redução Gradativa de Veículos de Tração Animal, foi criado um grupo de trabalho (GT), formado pela Câmara de Vereadores, através da Vereadora Virna, Poder Executivo, SEMMAPA, SEMUSP-T, Secretaria de Assistência Social, Ministério Público, PATRAM, além de representantes dos condutores de tração animal. Dentre os principais objetivos do GT será apresentar a proposta de um Projeto de Lei (PL) para que em até 2 anos Imbé não tenha mais a circulação de carroças.

A intenção não é acabar com as “carroças”, sem pensar no social, sem pensar no trabalhador que depende dela para seu sustento, o que se deseja com o programa é a substituição dos veículos de tração animal por alternativas viáveis para a realidade do município de Imbé, sem prejuízo às famílias, exemplo, que as carroças e cavalos sejam substituídos por veículos elétricos, que serão custeados pelo poder executivo, e os cavalos atualmente usados para puxar carroça, possam usufruir, merecidamente, de condições de vida dignas, que não seja a de “animal de tração”, afirma Virna.

Desta forma, entendo que estamos no caminho certo, dialogando com os diversos setores envolvidos. Acredito que todos comungam para que Imbé seja um bom exemplo no que tange o bem-estar dos animais, mas que também seja um município que se preocupa com a mobilidade urbana, com o desenvolvimento social e com destinação correta dos resíduos sólidos”

Deixe seu comentário

Your email address will not be published.